Blogue

Trazendo a natureza de volta para nossas vidas !!

Esta é a nova estratégia da União Europeia (EU) para a biodiversidade, lançada a 20 de maio de 2020. A ATNatureza, já trabalha na restauração da biodiversidade desde 2000 Desta forma esta estratégia vem apoiar e ao mesmo tempo desafiar o trabalho desenvolvido ao londo dos últimos 20 anos.

A UE mostra sua ambição de reverter a perda de biodiversidade e liderar o mundo pelo exemplo e pela ação, e adotar um quadro global transformador pós-2020. A sua ambição é garantir que, até 2050, todos os ecossistemas do mundo sejam restaurados, resilientes e adequadamente protegidos.

Essa estratégia é empreendedora e incentivadora em espírito e ação. Reflete o fato de que a proteção e a restauração da natureza necessitarão de medidas e gestão de ativos, e não apenas de regulamentação. Requer ações de cidadãos, empresas, parceiros sociais equipas de investigação, além de fortes parcerias entre os parceiros nos níveis local, regional, nacional e europeu.

Para colocar a biodiversidade no caminho da recuperação até 2030, nós, europeus, precisamos intensificar a proteção e a restauração da natureza. Isso deve ser feito melhorando e ampliando nossa rede de áreas protegidas e desenvolvendo um ambicioso plano de restauração da natureza da UE. Os Estados-Membros deverão traduzir a meta de 10% da UE para uma escala geográfica mais baixa, a fim de garantir a conectividade entre os habitats.

Para fornecer mais espaço para animais silvestres, plantas, polinizadores e reguladores naturais de pragas, é urgente recuperar pelo menos 10% da área agrícola com características da paisagem de alta diversidade.

Há alguns anos, a ATNatureza e a Rewilding Portugal já formularam sua estratégia para criar uma rede de espaços para a natureza no Vale do Côa. Na rRserva da Faia Brava, com 1.000 ha, a sociedade já pode perceber com é possível concretizar este objectivo. A comissão da UE apoia a nossa estratégia e esperamos que todo o quadro jurídico da UE e português venha apoiar efectivamente o nosso trabalho diário para converter essa estratégia em resultados no campo.

A ATNatureza desenvolveu uma estrutura para a conservação da natureza, que incorpora as ideia da UE na sua estratégia de biodiversidade:

 

 ecossistema Vale do Coa

Figura 1 Estrutura de conservação ATNatureza

Estamos ta trabalhar para criar um ciclo positivo: investir numa boa gestão e reflorestação da terra e trabalhar com grandes herbívoros, permitindo que um ecossistema resiliente e vivo se desenvolva. Assim que as árvores cresçam, o solo recupera e retém mais água, são criadas melhores condições para o desenvolvimento da floresta e serviços ecossistémicos, como o sequestro de CO2. Os riscos de incêndios são reduzidos pela gestão ativa , vigilância e utilização dos grandes herbívoros (Garranos e Maronesas). Ao mesmo tempo, a paisagem torna-se mais interessante para quem nos visita , que podem desfrutar da paisagem selvagens, escutar e observar as aves, ouvir o zumbir insetos nos prados.

Trabalhamos na expansão da Reserva da Faia Brava bem como outras áreas e criamos um ecossistema resiliente em todo o Vale do Coa, atingindo uma escala em que os ecossistemas são resilientes; com vida de solo restaurada, uso ideal da água das chuvas, mais e melhores árvores e prados autóctones cheios de flores e insetos. Desta forma, criamos condições ideais para o retorno de animais selvagem como o abutre-preto, uma população saudável de veados e de coelhos, criando no limite condições para os predadores como o lobo ibérico e o lince. Passo a passo a biodiversidade irá aumentar.

Por favor, sinta-se convidado a apoiar o nosso sonho e entre em contato connosco para obter mais informações.

Os Jovens Potros e Vitelos que nasceram esta Primavera brincam e correm fortes e saudáveis em liberdade na Reserva da Faia Brava. As chuvas tardias de Primavera e a abundância de pasto contribuiu para que a taxa de nascimentos das nossas manadas em 2020 fosse um sucesso! As famílias de garranos e maronesas da Faia Brava estão cada vez maiores.

Lembramos que estes herbívoros contribuem ativamente para a redução da carga combustível na Reserva e dessa forma reduzem o risco de incêndio. Ao abril clareiras também favorecem a reprodução de outras espécies contribuindo para a promoção da Biodiversidade. 

Faça um donativo para contribuir para a manutenção das manadas na reserva da Faia Brava. Venham visitar-nos!!!! Apelamos aos sócios e amigos da ATNatureza para pagar as suas quotas ou realizar uma contribuição de 20€ ( Referência: Manutenção Manadas) para a conta com os dados bancários: IBAN: PT50 0007 0000 0016 5433 1132 3

Agradeçemos a sua contribuição

young calve            herd of horses

Será para breve a reabertura oficial da Reserva da Faia Brava. Por isso se está a pensar fazer férias na Região agende já a sua visita através do e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. 

A ATNatureza volta  a desafiar os zelantes da Natureza a participarem no seu Programa de Voluntariado para diminuir o risco de incêndios. A Vigilância de Incêndios Faia Brava 2020 vai decorrer de 1 de Junho a 15 de Setembro.

Neste  ano especial para todos, a ATNatureza apela ao espírito solidário e conservacionista de cada um  para ajudarem na prevenção de fogos na Reserva da Faia Brava, área que, desde 2005, não arde, graças aos esforços de tanta e tanta gente.

A Reserva da Faia Brava e área envolvente representam a mancha de sobreiral e azinhal mais importante do distrito da Guarda e um núcleo de biodiversidade fantástico no Vale do Côa. A sua proteção é prioritária e urgente, e uma ótima causa para abraçar para quem quer fazer a diferença, aprender e divertir-se.

O programa de voluntariado que apresentamos tem como único objetivo a deteção de ocorrências de pontos de incêndios na Reserva da Faia Brava e áreas envolventes e a respetiva comunicação das mesmas às autoridades competentes e à ATNatureza.

O programa tem uma carga horária reduzida e permite que os voluntários disfrutem do território e conheçam de perto a Reserva da Faia Brava!

INSCREVA-SE JÁ! Ajude-nos a prevenir!

Os apoios prestados aos voluntários traduzem-se em:

  • Alojamento  na Escola de Algodres;
  • Kit Básico de Alimentação (bens não perecíveis);
  • Kit de Vigilância

Aos voluntários, a ATNatureza pede que estes venham munidos de:

  • Capacidade resistência ao calor;
  • Chapéu e Protetor Solar
  • Vestuário
  • Espírito aberto;
  • Saco-Cama e toalhas;

Turnos de Vigilância (o voluntário vai realizar UM TURNO diário com base nas necessidades e indicação do técnico responsável.

  • 9h-13h
  • 13h-17h
  • 17h – 21h
  • 21h- 23h (em período crítico)

260487 P4K114 54

Lembram-se do viveiro florestal da ATNatureza que foi destruído resultado dos fortes ventos da tempestade Elsa que assolou a Região no passado dia 18 de Dezembro?!

A nossa equipa com auxílio de um técnico de soldadura foi possível reconstruir o viveiro florestal e pôr esta estrutura novamente de pé para fazer face ao tempo quente e seco que se avizinha.

O viveiro florestal é uma estrutura importante para manter os jovens Carvalhos, Freixos, Zimbros entre outras espécies autóctones   que no próximo Outono irão ser transplantadas para a Reserva da Faia Brava, permitindo para aumentar a qualidade do Solo, promover a Biodiversidade e Contribuir para a fixação de Carbono.

Acontece que esta despesa adicional teve um custo aproximado de 500€ contabilizando o material que foi substituído e horas de trabalho envolvido.

Apelamos aos sócios e amigos da ATNatureza para pagar as suas quotas ou realizar uma contribuição de 20€  ( Referência: Apoio ao Viveiro) para a conta com os dados bancários:

IBAN: PT50 0007 0000 0016 5433 1132 3

(Basta 25 contribuições para pagar esta despesa adicional)

Agradeçemos a sua contribuição

Para concretizar a nossa missão! 20 Anos a Criar Espaços para a Natureza

Foto do Viveiro Florestal    rebuild nursery

Em baixo , podem ver  os resultados (foto à direita) de um campo semeado com ervilhaca, centeio e tremoço. Há um ano, esse campo com um  solo ácido (ph = 4)  granítico estava  empobrecido como é possível observar na  figura à esquerda. Os técnicos  da ATNatureza  ficaram entusiasmados ao ver a produção com todas essas flores. Foi adicionado algum calcário  para aumentar um pouco o PH. O impacto do calcário  será visível mais tarde.
Agora será tempo para abrir estes campos para pastagem de garranos.
Esperamos que a % de matéria orgânica aumente substancialmente e a retenção de água acumulada  no solo também aumente. Nos próximos anos iremos  monitorizar , monitorrizar e monitorizar. Estamos curiosos se mais plantas indígenas com flores e insetos vão aparecer.
Uma boa forma de promover a Biodiversidade !!!

top plot in 2019

     top plot mei 2020

Torne-se Sócio da ATNatureza

Ser sócio da ATNatureza é fazer parte de um grupo de
amigos conservacionistas que apoiam a Natureza.

ser sócio

Notícias

ATNatureza recolhecida pela "Cooperation Organisa…

O trabalho da ATNatureza foi recolhecido pela "Cooperation Organisation for Vocational Education, Training and the Labour Market (SBB)"resultando na nova acreditação para pertencer à lista de entidade...

ler mais

ATNatureza e o Vale do Coa na série de TV Europe’s New …

Este mês assista no canal de TV NatGeo Wild, aos 6 episódios da série ‘Europe’s New Wild’ sobre a natureza selvagem da Europa. No segundo episódio, irá embarcar numa viagem ao Grande Vale do Côa, no N...

ler mais

Dia Internacional dos Abutres

Hoje celebra-se o Dia Internacional dos Abutres o qual surgiu no âmbito da iniciativa “Vulture Awareness Days”. Com este dia pretende-se sensibilizar a comunidade internacional para a conservação dos...

ler mais
mais notícias